Bem Vindo ao Meu Mundo Estranho... aqui você não vai encontrar nada que tenha que fazer sentido... pois esta é uma manifestação do meu consciente/inconsciente... id, ego e superego... das minhas alegrias, meus medos, incertezas, loucuras e travessuras... afinal... me disseram que a beleza esta no caos...

quarta-feira, 23 de janeiro de 2008

Diário de Bordo - Diante do armário


Era chegada a hora. Era preciso. Diante das portas abertas do armário era preciso encarar o que por muito tempo era guardado. Os motivos sempre são muitos. Tempo, falta de tempo, utilidade, lembrança, apego. São coisas guardadas por toda uma vida. Por pensar que um dia serão úteis, por não se ter coragem de abandoná-las. Por pensar que coisa são lembranças e que não podem se esquecidas. Mas são abandonadas, fechadas, ao pó e ao tempo. Nem tudo o que se lembra é bom e nem tudo o que se esquece é ruim. É preciso serenidade para diferenciar o que é lembrança do que é apego. É preciso começar. É preciso muita força de vontade para vencer a inércia... e muita sabedoria para saber quando parar. É preciso espaço para que o novo chegue, pois tudo que vai toma seu rumo e como num rio, sempre há mais aguá para chegar.

23 comentários:

Sig Mundi disse...

É difícil começar, tenha força! E aprendi uma coisa, o que a gente não quer esquecer fica na memória por muito tempo. Liga um som e manda bala!
bjs, andrea

Erika disse...

credo, vc me fez pensar no meu armário que preciso arrumar.. rsrs

beijo

"Oncotô? (Erika)"

Ciça. disse...

Eu guardo tudo, não tenho coragem de jogar as coisas fora, até msg de celular é difícil...


:*

Oliver Pickwick disse...

Uma alegoria muito interessante, querida Mila: vidas e armários.
A propósito, o seu até que não está tão bagunçado assim.
Beijos!

R. disse...

Se eu abrir o armário cai tanto papel, mas tanto... E é tudo trabalho, nem uma lembrancinha sequer. Só trabalho. Dá até medo do novo. Porque prvavelmente vai ser mais trabalho. Se for mais trabalho, que ao menos venha com um aumento. O que é pra lá de improvavél. :/

Bjs

Renata disse...

De fato é preciso ãnimo pra começar, mas depois é tão bom ver tudo arrumadinho!!! E os orientais dizem que auando a getne arruma fora, na verdade está arrumando dentro..então...boa faxina!!!rs

ah, tem um carinho pra vc no DD hoje!
Bjos

Gabriela S. Gomes disse...

Eu tô na fase de tentar me desapegar das lembranças. ;)

Já havia visitado aqui. Bem como tu tb havias me visitado! De qq forma, seja bem-vinda sempre.

bjos.

elvira carvalho disse...

Limpar o armário da foto é fácil. Difícil, difícil é limpar o enorme armário que é a nossa memória.
Um abraço

Ricardo Rayol disse...

caraleo que zona ahahahaha

Alê disse...

Umn dia quero postar uma foto do meu armário. Será engraçado!

Milla, Quando puder, dê um pulinho no Macabelagem: http://macabelagem.ideiadejerico.com/?p=39

O blogue é novo e precisa de ajustes e divulgação.
Bom final de semana!
Beijos*

BABI SOLER disse...

Eu tô precisando tanto de resolução dessa, mas dá uma preguiça.

Bom final de semana.
Beijo

BABI SOLER disse...

Eu tô precisando tanto de resolução dessa, mas dá uma preguiça.

Bom final de semana.
Beijo

Elvi disse...

Passando por aqui para conhecer ...

Olhei esta foto e lembrei das gavetas da minha cômoda. No momento não tenho coragem de encará-las ...

Bjs.
Elvira

Alice disse...

... ai ai ai ...meu armário...hmmmm
bjussssssssssss

DiviniuS disse...

A LUZ QUE TE DEIXO É DA COR DA MINHA VIDA:)
Gostei de ler...

Fláh disse...

Nossa amei, to adiando meu armario há um ano.
ahushaus

Ah vc me linkouu? te linkou tbb entãao. Claro!

Linko aqui? ou teu outro blogg?

^^

Aline e Marcelo disse...

Lindas as suas palavras.
Eu costumo guardar milões de bugigangas também, acredito que ainda vou precisar disso ou daquilo e as mantenho seguras em algum canto de casa.
O mais engraçado é que quando eu decido fazer uma limpa nas coisas que guardo, no dia seguinte preciso exatamente do que acabei de jogar fora...

Beijocas
Marcelo

Suráia disse...

Todo recomeço implica em desapegar-se do passado... recomeçar com força nova é como poder ser as ondas do mar... que recuam para ganhar nova dimensão.

Legal e significativa a sua postagem!!!

Bjos.

J disse...

O Mila, é desorgazando tudo que a gente pode se organizar :)

Tatá disse...

Mila, é tudo o que preciso fazer, não só com o meu armário, mas com a minha cabeça também.
Uma ótima idéia você me deu.

Beijos

Anne disse...

Pois é...o meu tá assim tb, só que de roupas...rs. E vamos à faxina, tanto dos armários quanto da vida e começar o ano com mto espaço para as coisas novas!!!

Adoro vc, to morreeeendo de saudade pq não te vejo mais e isso tá me dando crises de abstinência...onde andas???

Aparece, manaaaaaaaaaaaaaa
Bjos, amo vc!
Ahhh, postei lá no espasmos, vê se gosta...rs

# thiago disse...

Armário?
tô fora!
ahahahahahhaha

beijos, Mila...
saudade!

Aline disse...

ai que eu sou apegada tb a coisinhas assim, qdo jogo fora, o faço com dor no core, mas é assim msm, coisas se v]ao, outras vêm!

Bjm moça, tou postando no meu antigo blog, passa lá ;)