Bem Vindo ao Meu Mundo Estranho... aqui você não vai encontrar nada que tenha que fazer sentido... pois esta é uma manifestação do meu consciente/inconsciente... id, ego e superego... das minhas alegrias, meus medos, incertezas, loucuras e travessuras... afinal... me disseram que a beleza esta no caos...

terça-feira, 18 de dezembro de 2007

Diário de Bordo - Celebração

O vento frio em minha pele. O choque entre o calor do meu corpo suado e o ar. A chama que o teu corpo suado provocava no meu. O mundo naquele instante havia parado e um segundo podia durar uma eternidade. Seus olhos ainda fechados guardavam o momento sublime, o sorriso em seus lábios a euforia e o teu corpo colado ao meu a cumplicidade de um momento único, tão nosso. Nada poderia ser dito. O coração ainda buscava o ritmo normal, a respiração já era mais calma, mas a aura que pairava entre nós era indissolúvel. Como teu braço forte segurando minha cintura e a tua respiração no meu ouvido. E o vento insistia em nos serenar, enquanto nossas almas insistiam permanecer celebrando.

13 comentários:

Sig Mundi disse...

Se eu começar a sentir um friozinho por aqui... a solução é ler um texto seu... quente!!!
bjs

Erika disse...

Concordo com o sig... mas eu acho que por aqi num tem jeito de sentir frio nunca. rsrs

beijos kirida

www.oncoto.erikamurari.com.br

Ingrith disse...

Uia, que delicia seu texto!!!!!

Dá até vontade de matar serviço pra ir namorar hehe

fhattori disse...

Não consegui me expressar usando esse tal de click comments. Resolvi comentar à "moda antiga" mesmo.
É a primeira vez que visito seu blog. Achei ele realmente incrível. Belo, emocionante.
Gostei muito do texto, talvez pelo meu momento, mas gostei mesmo.
até!

Antonio Ximenes disse...

Mila.

Voei longe.
Imaginei-me em outra realidade.

Acho que sonhar é imaginar-se em outras dimensões...

... outras realidades.

Abração.

Dani disse...

Nessas horas os sentidos estão todos aguçados. Bom demais descobrir novas sensações quando se está a dois.
bjos Miloca!!!

Luciana Carvalho disse...

Seu texto me trouxe uma ótima lembrança, me emocionei.

Bjs

MUTUMUTUM disse...

Como sempre, uma postagem pra botar fogo nas entranhas...

O que é ótimo!!!

Abraços o/

Tatá disse...

Frenesi, extase...é bem assim.
Delírio...e delirei lendo você.
Poxa vida, você é fantástica!!!

"E o vento insistia em nos serenar, enquanto nossas almas insistiam permanecer celebrando."

Isso é demais, Mila!!!
Amei, amei, amei.

Bjs

Girassol disse...

Relato de um momento sobre o qual nada há a dizer, todos temos os nossos! E, embora sintamos de jeitos diferentes, sabemos o quão únicas e valiosas são essas sensações!

Beijo.

(marta entre parênteses) disse...

intenso..
adorei.
;*

Anne disse...

Fiota do meu coração...ainda não to podendo comentar textos do tipo putaria disfarçada de coisa meiga, pq mesmo as coisas meigas me lembram putaria nessas horas...ahsuashuash

Pulo esse post, vamos falar de futebol???

Bjos, love u

Nil Brito disse...

Mila, minha querida. Logo que te conheci, disse (não sei se vc se lembra),que o seu era exatamente aquilo que eu imaginava o que um blog deveria ser. E continua sendo! Como publicitária e excelente profissional que é, vc sabe das coisas. Conhecer seu "estranho mundo" foi uma das coisas boas deste 2007 que se esvai, arrastado... 2008 está logo ali, ó, um beicinho (rs). Vamos juntos nessa!!


bjs natalinos do nil