Bem Vindo ao Meu Mundo Estranho... aqui você não vai encontrar nada que tenha que fazer sentido... pois esta é uma manifestação do meu consciente/inconsciente... id, ego e superego... das minhas alegrias, meus medos, incertezas, loucuras e travessuras... afinal... me disseram que a beleza esta no caos...

quarta-feira, 17 de setembro de 2008

Mestra...


Te vejo tão humana e tão perfeita. Mais do que quando Mestra intocável ou guerreira invencível. Te vejo tocando as brumas do desconhecido, de coração dilacerado, de alma em sobre peso. Ainda assim vejo tua luz esplendorosa, de posse de segredos e de poderes que à poucos são concedidos.
Não admiro tua fragilidade, mas o poder que esta tem de te tornar ainda mais sublime. Não me agrada tua dor, mas o poder que dela emana. És tudo, porque és nada. Tens o saber em tuas mão e provas que de nada vale saber... sem ter ou ser...
Quando vergas ao peso dos teus fantasmas, em meio ao desconforto de ser frágil, vislumbro a grandiosidade de tua natureza. Queres poder o que não podes, apenas para assim salvar o que nem possa ser salvo. Não buscas honra nem glória, e ainda assim teu caminho é repleto destas.
Como água que sempre encontra seu caminho, assim será você. Sabes quem és e a força que tens. Toma o que é teu e reina!

10 comentários:

Edna Federico disse...

Adoro vir aqui, porque leio textos que me matam de rir e textos delicados como esse.
Beijo

Anne disse...

Eu já falei a vc o quanto essas palavras tocaram a minha alma, o quanto são belas e fizeram bem ao meu ser. Gosto de me imaginar um pouco de tudo o que vc escreve, um pedacinho dessas imagens tão belas, dessa pessoa tão sublime que descreve.

Não sei se você sabe do quanto me faz bem, do quanto me ajuda a cada palavra, a cada momento em que faz esforço para que o meu sorriso volte ao seu lugar. Mais uma vez você foi pedra fundamental na construção daquilo que sou e que, Graças a Deus (e aos amigos sinceros), pude voltar a demonstrar. A luz andava fraca, mas já voltou a brilhar aqui dentro de mim.

Estou feliz, equilibrada e agora consigo ver os meus erros, transformando todos em acertos nos novos passos. Saiba que pode contar comigo, sempre, eu sou do tipo que verga, mas não quebra. Acabo sempre voltando, como o mesmo sorriso, e estarei aqui sempre para segurar a sua mão.

Mais uma vez obrigada, mana...obrigada pelas palavras, pelo amor incondicional, pelo carinho e o cuidado que tem comigo. Obrigada por fazer parte dessa minha vida, espero ve-la um dia nessa e também nas que virão (e divido uma nuvem com vc lá no céu tb, pra jogarmos uma canastrinha...hahahaha)

Beijos, minha querida amiga, minha mana do coração!

pimentinhabm disse...

que poder tem esse texto!
=*

Jeniffer Santos disse...

que lindo xD

dedicado ou inspirado em alguem?

beijos ;D

FlorDoMedo disse...

UAU! para texto e imagem.


bjs =D

Cin disse...

Seja lá quem for, é realmente admirável!
Bjos!

Thiago disse...

é..realmente admirável!

elvira carvalho disse...

Gostei. Um texto delicado que revela uma admiração intensa.
Um abraço

Nathália disse...

Se este texto foi inspirado em alguém, essa pessoa deve ser incrível. Absolutamente incrível.

Beijo!

Geminiana Doce disse...

Olá!!!
Gostei muito do seu blog...
Depois do cometário que vc fez no blog da nath(Cólica Mental),indagando que não queria ser eu ou qu queria..rsrs.Sei lá...rsrs.Resolvi te visitar e gostei muito do que ví aqui!
... És tudo, porque és nada."
Muito bom!!
Um lindo fds,paz e liz